Fed: Powell confirma tapering para este ano e exclui subida de taxas


© Reuters.

Por Carjuan Cruz

Investing.com – O Presidente da Reserva Federal Jerome Powell confirmou, na sua apresentação no simpósio económico de Jackson Hole, que o tapering começará ainda este ano: “Pode ser apropriado começar o tapering este ano”, disse.

O anúncio formal será muito provavelmente feito na reunião do Comité Federal do Mercado Aberto (FOMC) de Setembro, e o tapering começará em Novembro.

“O tapering não virá em alta velocidade”, disse sobre a possibilidade do tapering ser gradual.

O Fed efetua compras mensais de 80 mil milhões de dólares em obrigações do Tesouro e 40 mil milhões de dólares em títulos garantidos por hipotecas como parte da política de estímulo à recuperação da economia.

Embora as expectativas do mercado apontassem para a possibilidade de Powell não avançar com possíveis medidas de tapering devido aos efeitos da variante do Delta do Covid-19 na recuperação económica, ele indicou que, apesar dos contágios, o crescimento é possível.

“Embora a variante Delta apresente um risco a curto prazo, as perspetivas são boas para um progresso contínuo no sentido do máximo emprego”, disse Powell.

Inflação e emprego

O presidente do Fed mantém a sua posição de que a inflação é transitória, no entanto, admitiu que o indicador justifica uma redução no estímulo direto através da compra de ativos.

Observa, contudo, que no que diz respeito às taxas de juro, ainda não se prevê qualquer alteração, até agora as taxas permanecem baixas entre 0 e 0,25% e não tenciona aumentá-las até 2023.  

“O ritmo da próxima redução nas compras de bens não se destina a enviar um sinal direto relativamente ao calendário da subida da taxa”, disse.

“Para tal, articulámos um teste diferente e substancialmente mais apertado. Dissemos que continuaremos a manter o intervalo de objetivo para a taxa de fundos federais no seu nível atual até a economia atingir condições consistentes”, acrescentou.