Rendimentos de bônus da zona do euro caem com foco em fundo de recuperação


© Reuters.

* Yields de bônus soberanos da periferia da zona do euro – http://tmsnrt.rs/2ii2Bqr

Por Yoruk Bahceli

LONDRES, 25 Mai (Reuters) – Os rendimentos dos títulos da zona do euro oscilavam em queda nesta segunda-feira, com o mercado ignorando um documento de Áustria, Suécia, Dinamarca e Holanda opondo-se ao plano de um fundo de recuperação da União Europeia (UE) com base em subsídios e aguardando a divulgação de material pela Comissão Europeia a esse respeito.

Os quatro países delinearam com mais detalhes no sábado sua oposição a França e Alemanha sobre um fundo de recuperação da União Europeia de 500 bilhões de euros, que dará subsídios para as regiões mais afetadas pela pandemia de coronavírus.

“Propusemos criar um Fundo de Recuperação de Emergência baseado em uma abordagem de ’empréstimos para empréstimos'”, disseram os quatro países em nota sem caráter oficial, descrevendo sua posição.

Eles disseram que o fundo não deveria levar a qualquer mutualização da dívida e deveria ser de natureza temporária e pontual, com uma cláusula de expiração explícita após dois anos.

A inclusão de subsídios na proposta franco-alemã, em vez de empréstimos, impulsionou os títulos italianos na semana passada a seu melhor desempenho em oito semanas.

A Comissão Europeia deve divulgar seu plano de recuperação na quarta-feira.

Os rendimentos dos títulos no bloco, que têm mostrado pouca reação aos dados recentes, operavam em queda​ nesta segunda-feira, com o rendimento de dez anos da Itália caindo a 1,5850%, de 1,606% da sexta-feira.

O yield do bônus alemão de dez anos cedia a -0,494%, de -0,488% na sexta-feira.